O dissídio de Cabineiro de Veículos 2024 já saiu. Veja aqui o salário mínimo, piso salarial e salário médio em todos os estados, capitais e principais cidades brasileiras de acordo com a convenção coletiva, acordo coletivo ou dissídio do sindicato de profissionais registrados em carteira com o CBO 991310 no cargo de Cabineiro de Veículos.

Estado com maior salário médio

São Paulo

R$ 2.162,37

(últimos 12 meses)

Estado que mais contrata

São Paulo

1.909 admissões

(últimos 12 meses)

Cidade com maior salário médio

São José dos Campos - SP

R$ 3.404,78

Cidade que mais contrata

São Paulo - SP

518 admissões

Descrição sumária do cargo

O colaborador no cargo de Montador de veículos (reparação) realiza a desmontagem e a montagem de veículos automotores, aplicando técnicas e métodos adequados a cada marca e modelo de carro, durante o processo de reparação veicular Providencia materiais, ferramentas e equipamentos necessários para o serviço.

Atua de acordo com sistemas de gestão da qualidade Realiza a manutenção de primeiro nível dos recursos de trabalho Elabora documentação relacionada às atividades.

Cumpre normas técnicas e normas regulamentadoras de saúde e segurança no trabalho e de preservação ambiental

O que faz um Cabineiro de Veículos

O Montador de veículos (reparação) prepara as atividades, providenciando materiais, ferramentas e equipamentos necessários para o serviço Interpreta informações técnicas de fabricantes, considerando diferentes marcas e modelos de veículos.

Seleciona os equipamentos de segurança adequados para cada atividade.

Desmonta o carro, identificando o espaço de trabalho e providenciando local para armazenagem das peças desmontadas Retira as peças, utilizando equipamentos e ferramentas específicas, aplicando as técnicas de desmontagem requeridas e observando o modo peculiar de retirada de cada peça, tendo em vista facilitar o serviço de montagem do carro, após os serviços de reparação do veículo.

Remove estofamento, acessórios, equipamento elétrico de operação de janelas, assentos e guarnições, para obter acesso às partes da carroceria e para-lamas do veículo Remove painéis danificados.

Retira peças alinhadas – no processo de preparação da lataria do carro, para permitir sua pintura.

Identifica a família e as propriedades do plástico usado no veículo Classifica, seleciona e sinaliza as peças desmontadas.

Lista peças danificadas no desmonte.

Confere tipo e modelo das peças a serem utilizadas na montagem do carro Após a reparação do veículo, monta o carro, identificando e selecionando as peças Acopla cada peça, de acordo com sua posição no conjunto, empregando equipamentos, ferramentas e técnicas requeridas, para realizar a montagem do veículo.

Instala e prende janelas, tetos de vinil e acabamentos de metal nas carrocerias dos veículos, usando pistolas de calafetagem, escovas adesivas e marretas especiais Aplica calor aos painéis de plástico, usando pistolas de ar quente ou imersão em água quente, pressionando – com a mão – os painéis amolecidos em direção à posição de instalação e de volta à forma original Realiza o controle do processo, utilizando instrumentos de medição e examinando cada etapa da montagem.

Troca peças danificadas, realizando a montagem com as peças substitutas Substitui vidros danificados em veículos.

Revisa todo o trabalho de montagem Pode realizar modificações personalizadas para alterar a aparência dos veículos – no processo de montagem, seguindo especificações de fabricantes e/ou consultando clientes Atua de acordo com sistemas de gestão da qualidade e outras convenções – próprias da empresa e/ou adotadas em processos de certificação definidos por fabricantes ou seguradoras de veículos, na busca da excelência dos serviços realizados.

Conserva o local de trabalho limpo e organizado Mantém materiais organizados e acondicionados Realiza a manutenção de primeiro nível dos equipamentos, máquinas e ferramentas de trabalho, limpando-os, executando pequenos reparos e solicitando serviço de manutenção corretiva, quando necessário.

Verifica a lubrificação de equipamentos e máquinas pneumáticas, no que se refere a vazamento, gotejamento e outras anomalias Preenche formulários de requisição de materiais e de solicitação de manutenção de equipamentos, máquinas e ferramentas de trabalho Elabora documentação informando acerca de aspectos relevantes das atividades realizadas.

Redige pequenos relatórios, para permitir o controle de processo Trabalha com segurança, utilizando equipamentos de proteção individual (EPI) e equipamentos de proteção coletiva (EPC) Identifica condições inseguras, tomando as providências necessárias para eliminá-las ou comunicando à supervisão, conforme a complexidade da situação Elimina resíduos perigosos de forma adequada Realiza o descarte de materiais de acordo com normas ambientais.

Participa ativamente de campanhas de prevenção e redução de acidentes de trabalho.

Funções do Montador de veículos (reparação)

O profissional Cabineiro de Veículos deve desmontar o carro, providenciar materiais, equipamentos, ferramentas e condições necessárias para o serviço, preparar a lataria do carro, montar o carro, demonstrar competências pessoais.

Condições de trabalho da profissão

Reparadores de carrocerias de veículos atuam no segmento de vendas, manutenção e reparação de veículos automotores como empregados com carteira assinada. O montador de veículos atua individualmente, o funileiro e o pintor de veículos, em equipe. Todos trabalham sob supervisão permanente. O trabalho é presencial, realizado durante o dia, em ambiente fechado ou a céu aberto. Em sua rotina de trabalho, o pintor de veículos (reparação) fica exposto a materiais tóxicos e o montador de veículos, à radiação e ruído intenso.

Exigências do mercado de trabalho para a profissão

Atividades exercidas por um Montador de veículos (reparação)

Um Montador de veículos (reparação) deve sinalizar peças desmontadas, identificar o espaço a ser trabalhado, cuidar da higiene pessoal, listar as peças danificadas no desmonte, verificar a lubrificação de equipamentos e máquinas pneumáticas (vazamento e gotejamento), examinar cada etapa da montagem, selecionar peças desmontadas, ordenar as peças a serem montadas, retirar peças alinhadas para a pintura, manter-se concentrado no trabalho, providenciar local para estoque das peças desmontadas, conferir tipo e modelo das peças a serem utilizadas, trocar as peças danificadas, demonstrar paciência, observar retirada das peças para o serviço de montagem, limpar a pistola após utilização, demonstrar habilidade manual, demonstrar criatividade, selecionar o equipamento de segurança adequado para cada atividade, escolher equipamentos e ferramentas adequadas para cada tarefa, abastecer a pistola com o produto (tinta, primmer, vedadores, calafetadores), demonstrar senso de organização, revisar todo o trabalho da montagem, demonstrar sensibilidade, demonstrar autodisciplina.

Aumento do piso salarial e reajuste 2024 da categoria

O reajuste salarial 2024 para Cabineiro de Veículos ficou em 4.60%, obedecendo os índices de inflação do INPC - Índice Nacional de Preços ao Consumidor no período de um ano, esse é o critério para estipular o piso salarial 2024 e o início das negociações salariais entre o sindicato dos trabalhadores no cargo de Cabineiro de Veículos e os sindicatos patronais.

Em algumas localidades houve aumento real do salário, ou seja, acima do índice de correção salarial e acima até mesmo do reajuste médio da categoria dos Reparadores de carrocerias de veículos que ficou em 4.60% para 2024.

Uma observação importante é que nem sempre o aumento salarial do Cabineiro de Veículos em 2024 está atrelado a acordos e convenções coletivas, o salário base pode ser estipulado de acordo com o salário mínimo 2024 ou o piso salarial mínimo regional se houver.

Reajuste e valor do vale refeição 2024

O reajuste médio do vale refeição 2024 para Cabineiro de Veículos ficou em 6.90% de acordo com acordos coletivos, convenções coletivas e dissídios registrados no Sistema de Negociações Coletivas de Trabalho do SRT - Subsecretaria de Relações do Trabalho.

Com isso o valor médio do vale refeição para 2024 observado em instrumentos coletivos de todo Brasil ficou em R$ 25,00 por dia efetivamente trabalhado.

Como é feito o cálculo dos reajustes e pisos salariais dos Reparadores de carrocerias de veículos 2024

O salário de Cabineiro de Veículos mostrado aqui é resultado do levantamento de 7018 salários em admissões de empresas de todo o Brasil em 2024, além de dissídios, convenções e acordos coletivos da categoria em sindicatos nacionais ou regionais de Reparadores de carrocerias de veículos que foram registrados no sistema Mediador da Secretaria da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, que registra os instrumentos coletivos.

Encontre o seu estado logo abaixo e saiba quanto ganha um Cabineiro de Veículos com salários atualizados em 2024. A ordem dos salários obedece a sigla dos estados em ordem alfabética. Confira:

Dissídio salarrial de Cabineiro de Veículos CBO 991310 salário

Valor do salário na CCT 2024 de Cabineiro de Veículos em todos os estados

Dados de dissídios coletivos para Cabineiro de Veículos por estado
UF Jornada Piso Média Teto Sal/Hora Dissídio 2024 (%)
São Paulo 44h 2.081,69 2.162,37 3.051,60 9,87 6.10%
Paraná 44h 1.970,05 2.046,41 2.887,95 9,32 6.50%
Minas Gerais 44h 1.815,84 1.886,22 2.661,89 8,66 4.90%
Rio Grande do Sul 44h 1.993,77 2.071,04 2.922,71 9,42 6.80%
Goiás 44h 1.583,81 1.645,19 2.321,75 7,56 4.50%
Santa Catarina 44h 2.080,58 2.161,21 3.049,97 9,86 7.50%
Rio de Janeiro 43h 1.838,51 1.909,77 2.695,12 8,91 4.80%
Bahia 44h 1.529,04 1.588,30 2.241,46 7,26 4.70%
Mato Grosso 44h 1.795,45 1.865,04 2.632,00 8,50 8.30%
Pernambuco 44h 1.566,37 1.627,08 2.296,18 7,45 7.10%
Pará 44h 1.552,69 1.612,87 2.276,13 7,41 5.90%
Distrito Federal 44h 1.500,26 1.558,40 2.199,26 7,10 8.10%
Ceará 44h 1.617,69 1.680,39 2.371,41 7,67 5.50%
Espírito Santo 43h 1.849,00 1.920,66 2.710,49 8,91 8.30%
Maranhão 43h 1.631,87 1.695,12 2.392,20 7,84 6.80%
Rio Grande do Norte 44h 1.388,01 1.441,80 2.034,71 6,55 6.30%
Mato Grosso do Sul 44h 1.771,83 1.840,50 2.597,37 8,39 7.10%
Rondônia 44h 1.500,40 1.558,55 2.199,47 7,08 7.80%
Paraíba 42h 1.431,87 1.487,37 2.099,02 7,01 7.60%
Alagoas 44h 1.357,91 1.410,54 1.990,60 6,48 5.70%
Sergipe 43h 1.330,74 1.382,32 1.950,77 6,41 6.10%
Tocantins 44h 1.670,12 1.734,85 2.448,27 7,90 4.40%
Piauí 44h 1.314,48 1.365,42 1.926,93 6,21 7.80%
Amazonas 44h 1.443,11 1.499,04 2.115,49 6,84 6.60%
Roraima 44h 1.308,45 1.359,16 1.918,09 6,18 5.80%
Amapá 44h 1.345,54 1.397,69 1.972,47 6,35 4.40%
Acre 44h 1.391,87 1.445,82 2.040,38 6,57 6.50%

Fonte: Dados CAGED, PNAD e instrumentos coletivos registrados no sistema Mediador do Ministério do Trabalho e Emprego que mencionem a profissão de Cabineiro de Veículos.

Dissídio de Cabineiro de Veículos por cidade

Quanto ganha um Cabineiro de Veículos nas principais cidades

Salários segundo dados do CAGED e instrumentos coletivos registrados que citem a profissão de Cabineiro de Veículos na localidade
Cidade Carga Horária Piso Salarial Média Salarial Maior Salário Sal/Hora Dissídio 2024 (%)
São Paulo, SP 44 2.108,82 2.190,55 3.091,37 10,01 8.30%
Goiânia, GO 43 1.566,06 1.626,75 2.295,72 7,50 7.40%
Belo Horizonte, MG 44 1.844,13 1.915,60 2.703,35 8,78 6.90%
Rio de Janeiro, RJ 42 1.864,79 1.937,06 2.733,64 9,15 4.10%
Brasília, DF 44 1.500,26 1.558,40 2.199,26 7,10 4.20%
Curitiba, PR 44 2.240,93 2.327,78 3.285,03 10,63 8.10%
Porto Alegre, RS 44 1.979,61 2.056,33 2.901,96 9,35 7.70%
Fortaleza, CE 44 1.632,54 1.695,81 2.393,18 7,74 5.40%
Medianeira, PR 44 1.985,48 2.062,43 2.910,56 9,37 4.10%
Maringá, PR 44 2.010,77 2.088,70 2.947,64 9,50 4.50%
Pinhais, PR 44 1.691,15 1.756,70 2.479,10 7,98 4.60%
Rondonópolis, MT 44 1.817,63 1.888,07 2.664,50 8,59 6.70%
Sete Lagoas, MG 44 2.470,57 2.566,32 3.621,67 11,68 6.90%
Contagem, MG 44 1.690,58 1.756,10 2.478,26 8,03 5.70%
Ribeirão Preto, SP 44 2.241,47 2.328,34 3.285,82 10,58 4.40%
Campinas, SP 44 2.341,44 2.432,19 3.432,38 11,10 6.10%
Salvador, BA 44 1.561,14 1.621,65 2.288,51 7,38 6.50%
São José do Rio Preto, SP 44 2.136,96 2.219,78 3.132,62 10,09 6.50%
Cascavel, PR 44 2.087,51 2.168,41 3.060,13 9,87 7.70%
São José dos Pinhais, PR 44 1.832,58 1.903,61 2.686,43 8,65 6.10%
Belém, PA 44 1.593,81 1.655,58 2.336,41 7,61 4.40%
Cuiabá, MT 44 1.863,45 1.935,67 2.731,67 8,84 6.30%
Petrolina, PE 44 1.449,62 1.505,81 2.125,04 6,84 8.00%
São Luís, MA 44 1.731,50 1.798,61 2.538,26 8,23 4.20%
Recife, PE 43 1.761,18 1.829,44 2.581,77 8,42 5.00%
Guarulhos, SP 44 2.196,68 2.281,81 3.220,16 10,41 7.30%
Mogi das Cruzes, SP 44 1.945,31 2.020,71 2.851,68 9,20 7.30%
Foz do Iguaçu, PR 44 1.919,48 1.993,87 2.813,81 9,06 4.30%
Feira de Santana, BA 43 1.538,32 1.597,94 2.255,06 7,41 7.90%
Caxias do Sul, RS 44 2.117,43 2.199,49 3.103,99 10,00 8.20%

Os valores de piso salarial e porcentagem de dissídio referem-se a média observada em instrumentos coletivos registrados no sistema Mediador do Ministério do Trabalho e Emprego com abrangência na cidade ou na região e que citem a profissão de Cabineiro de Veículos. Instrumentos coletivos: Acordos, convenções ou dissídios coletivos.

Empresas que mais contratam Cabineiro de Veículos no Brasil

Pisos salariais por setores das empresas
Segmento Piso Média Teto Dissídio 2024 (%)
Comércio a varejo de peças e acessórios novos para veículos automotores 1.796,19 1.865,80 2.633,07 4.10%
Serviços de lanternagem ou funilaria e pintura de veículos automotores 1.868,52 1.940,94 2.739,12 6.20%
Serviços de manutenção e reparação mecânica de veículos automotores 1.996,01 2.073,37 2.926,00 7.30%
Comércio a varejo de peças e acessórios usados para veículos automotores 1.690,08 1.755,58 2.477,53 4.90%
Serviços de instalação, manutenção e reparação de acessórios para veículos automotores 1.825,97 1.896,74 2.676,73 5.60%
Comércio a varejo de automóveis, camionetas e utilitários novos 1.883,63 1.956,64 2.761,27 7.60%
Fabricação de bancos e estofados para veículos automotores 1.774,19 1.842,96 2.600,83 7.40%
Comércio a varejo de pneumáticos e câmaras-de-ar 1.629,04 1.692,17 2.388,05 4.40%
Transporte rodoviário de carga, exceto produtos perigosos e mudanças, intermunicipal, interestadual e internacional 2.505,99 2.603,11 3.673,59 6.70%
Serviços de capotaria 1.558,28 1.618,67 2.284,32 5.90%
Comércio por atacado de peças e acessórios novos para veículos automotores 1.631,49 1.694,72 2.391,64 4.70%
Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, municipal 2.061,07 2.140,95 3.021,38 4.40%
Serviços de lavagem, lubrificação e polimento de veículos automotores 1.914,58 1.988,78 2.806,63 6.10%
Comércio por atacado de pneumáticos e câmaras-de-ar 1.477,06 1.534,30 2.165,25 4.30%
Comércio a varejo de motocicletas e motonetas novas 1.615,03 1.677,63 2.367,52 7.00%
Fabricação de cabines, carrocerias e reboques para caminhões 2.153,18 2.236,63 3.156,41 6.00%
Locação de automóveis sem condutor 1.927,90 2.002,62 2.826,15 7.40%
Comércio varejista de artigos de tapeçaria, cortinas e persianas 1.692,82 1.758,43 2.481,54 5.10%
Comércio a varejo de automóveis, camionetas e utilitários usados 2.208,29 2.293,87 3.237,18 7.20%
Manutenção e reparação de equipamentos e produtos 1.734,98 1.802,22 2.543,35 5.60%
Fonte: Contratações formais indicadas pelas empresas ao sistema Novo CAGED e convenções coletivas patronais.